domingo, 29 de junho de 2014


. .
Final de semestre

0 comentaram

. .
Fraude ou inexperiência? (Caso STAP)


Em janeiro deste ano (2014), alguns jornais brasileiros e internacionais noticiaram uma descoberta que parecia dar novos rumos à medicina regenerativa. Tratava-se da descoberta de um método de reprogramação celular de Aquisição de Pluripotência Desencadeada por Estímulo (STAP, na sigla em inglês).  Dizia-se que um método extremamente simples era capaz de transformar células maduras em células pluripotentes. A descoberta se deu por cientistas do Centro de Biologia do Desenvolvimento RIKEN, no Japão, e culminou numa publicação polêmica na Nature, uma das mais respeitadas revistas científicas. 
Os cientistas afirmavam que, as células “expostas a fortes estímulos que elas não experimentariam normalmente em seus ambientes” faz com que ela volte ao seu estado de pluripotência. Eles usaram células adultas de camundongos e expuseram-nas a níveis baixos de oxigênio ou a um banho de ácido de 30 minutos. Observou-se que as células sobreviveram e recuperaram-se do estimulo, pois se recuaram a um estado semelhante ao de uma célula estaminal. Se bem sucedido no homem, o método barato e rápido parecia extremamente viável.
Mas algum tempo após a publicação na Nature, questionamentos principalmente quanto à credibilidade das imagens publicadas no artigo e a dificuldade de outros cientistas em reproduzir o experimento começaram a surgir, o que fez com que a própria instituição RIKEN e a Nature iniciassem uma investigação acerca da veracidade do estudo e indícios de fraude. Teruhiko Wakayama, da Universidade Yamanashi (Japão), co-autor do estudo, questionou publicamente os resultados. Logo depois, mais três co-autores se pronunciaram, e Ryoji Noyori, presidente do RIKEN, pediu “desculpas pelo grande problema e as preocupações causados a tantas pessoas na sociedade pela publicação dos artigos sobre as células STAP”. No fim da conferência de imprensa, Noyori e outros responsáveis da RKEN pediram desculpa curvando-se perante a assistência. O relatório inicial da instituição concluiu que “houve manipulação inapropriada dos dados de dois dos itens [imagens] investigados, mas que as circunstâncias [em que essa manipulação aconteceu] não foram consideradas como constituindo má conduta científica”. 

Haruko Obokata. Foto: Público.pt. 
Depois de quase dois meses de investigação e de todo o escândalo, Obokata se pronunciou perante a quase 300 jornalistas. A própria instituição RIKEN a acusou de fraude, mas visivelmente emocionada, a pesquisadora se curvou diante de todos e se desculpou, confirmando haver erros no artigo devido a sua inexperiência, mas que não havia agido de forma a manipular os resultados, e afirmou que as células STAP de fato existem. “É absolutamente possível explicar como é que os erros apareceram”, declarou Obokata. 


Fontes: Público.Pt e G1.com
0 comentaram

segunda-feira, 9 de junho de 2014


. .
XXIV Fórum Científico - Maceió - AL

 


As inscrições vão até o dia 1º de novembro. Mais informações no site: www.forumcientifico.com
1 comentaram

domingo, 11 de maio de 2014


. .
Congresso Nacional de Biomedicina - ONLINE

O Biomedicina em Ação é parceiro do Congresso Nacional de Biomedicina, que acontecerá dos dias 21 a 27 de julho. GRATUITO e ONLINE. Vagas Limitadas.



Para se inscrever, acesse: http://www.congressodebiomedicina.com.br/
1 comentaram

. .
III Curso de Inverno em Genética e Biologia Molecular Humana - UFRGS


Acontecerá entre os dias 21 de julho a 1 de agosto de 2014, gratuitamente, o “III Curso de Inverno em Genética e Biologia Molecular Humana”, desenvolvido em parceria pelo Programa de Pós-graduação em Genética e Biologia Molecular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGBM-UFRGS) e pelo Centro de Pesquisa Experimental do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (CPE-HCPA).
O curso será destinado a alunos graduandos e recém-formados em cursos das áreas biomédicas, que tenham interesse em desenvolver atividades acadêmicas e de pesquisa em Genética e Biologia Molecular Humana. Através de um processo de seleção cuidadoso, pretendemos atrair alunos capacitados e comprometidos com sua formação, com perfil e interesse acadêmico.
As inscrições vão até o dia 18 de maio. Para realizar a sua inscrição, e obter mais informações, acesse: Site oficial



Vale muito a pena participar de cursos desse tipo durante a graduação. Não percam essas oportunidades!

Texto informativo retirado do site oficial.
0 comentaram

. .
Feliz Dia das Mães!


0 comentaram

domingo, 27 de abril de 2014


. .
Jornada Acadêmica Multidisciplinar de Biomedicina #JAMB2014

Ontem, dia 26 de Abril (2014), aconteceu no Anfiteatro da Universidade Paulista, campus Swift, a Jornada Acadêmica Multidisciplinar de Biomedicina. O evento acadêmico contou com apoio da Universidade e da coordenação do curso, e trouxe aos alunos muito conhecimento sobre o mercado de trabalho e a inserção do biomédico na Genética Médica, na Perfusão Extracorpórea, e na Gestão de Resíduos Hospitalares, além de linhas de pesquisa dos dois grandes centros da região (Unicamp e USP), nas áreas voltadas ao estudo da bioenergética do Trypanosoma cruzi, e do uso de antioxidantes no tratamento de feridas diabéticas.
Tivemos a presença da biomédica Marilza de Lima Santos, que trouxe suas experiências adquiridas no Departamento de Genética Médica da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp. Quem esteve conosco também foi o biomédico, perfusionista, microbiologista e colunista aqui do Biomedicina em Ação, Élio Carvalho, que com muita descontração apresentou aos alunos o biomédico no universo da Perfusão, e lançou também os cursos da Asgard em Campinas. Teremos muito o que esperar dessa parceria com o Dr. Jeffchandler. No período da tarde, tivemos o prazer de receber a doutoranda da USP, Ana Flávia Marçal Pessoa, que apresentou sua pesquisa relacionada ao uso de antioxidantes em feridas diabéticas, e também as linhas de pesquisa do seu laboratório no Departamento de Biologia Celular e Tecidual da USP.
Recebemos também a Profa. Dra. Fernanda Ramos Gadelha e o Dr. Eduardo de Figueiredo Peloso, que falaram sobre sua linha de pesquisa no Laboratório de Bioenergética e Defesas Antioxidantes do Trypanosoma cruzi. A mim, especialmente, foi um grande prazer, já que tenho como orientadora de iniciação científica e tcc a Profa. Dra. Fernanda, e como idealizador do meu projeto o Dr. Eduardo. Terminamos o dia com o biólogo Eugênio Ap. Preto, com larga experiência em Gerenciamento de Resíduos, e nos deu uma aula magnífica a respeito desta área.
Pedimos desculpas por algum inconveniente, e agradecemos muito a presença de todos os palestrantes; da coordenadora do curso, a Profa. Dra. Ana Beatriz Rossetti Santos; da Profa. Dra. Maristela Ruberti; e principalmente dos participantes que estiveram conosco durante todo o dia. Sabemos que foi sim muito cansativo, mas esperamos que todos tenham aproveitado de alguma forma. Tentamos diversificar o evento este ano, para atingir o gosto da maioria, e creio que tenha sido muito produtivo. Agradeço imensamente à comissão organizadora, que foi base essencial para a realização deste evento. Deixo aqui também registrado os meus agradecimentos especialmente ao amigo e autor do blog, Jonatam Crispim, que por motivos de saúde me confiou a apresentação do evento (espero ter cumprido a tarefa como você, com sua genialidade, faria), e à amiga Flavia Navarro, sempre disposta e organizada. Obrigada a vocês dois por ter terminado este ciclo ao meu lado.
Espero que os novos continuem o nosso legado! Contamos com vocês!
Logo as fotos estarão disponíveis no facebook da Jornada e no Biomedicina em Ação. Enquanto isso, vocês podem conferir o vídeo de abertura do evento. Trata-se de uma homenagem a todos os biomédicos, aos alunos da Unip, e principalmente aos alunos que iniciaram este evento, em 2011, e que devido ao grande e excelente trabalho, ganhou uma proporção maior.
Muito obrigada a todos!

0 comentaram

. .
Doe sangue, doe vida!

Em 2012 o Hospital Israelita Albert Einstein criou uma campanha para a doação de sangue muito original, que chamou a atenção de muita gente. Já pensou se conseguir sangue fosse fácil como comprar uma água em uma loja de conveniência? No primeiro mês da campanha, o hospital conseguiu ajudar 4 mil pacientes. Se você já assistiu o vídeo, vale a pena rever.


Este é o vídeo do resultado da campanha:


0 comentaram

sábado, 29 de março de 2014


. .
Vagas para Iniciação Científica - USP


Há vagas em Iniciação Científica para alunos dos cursos de biomedicina e biologia em projeto na Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo.
O projeto é desenvolvido utilizando imagens de ressonância magnética adquiridas post mortem em um equipamento de 3T e tomografia computadorizada 16 canais. A proposta é que os alunos selecionados possam trabalhar em projetos que tenham como foco a interface entre imagens radiológicas e patologias através de uma plataforma que permita correlacionar diretamente achados de imagem e análise histológica.

Os interessados deverão enviar e-mail para: brainsatnight@gmail.com, aos cuidados de Rafael Emídio.

0 comentaram

domingo, 23 de março de 2014


. .
App: Guia de Exames

E novamente a tecnologia a nosso favor!
Apresentamos um novo aplicativo para celulares com tecnologia Android, o Guia de Exames, que tem por finalidade auxiliar nas consultas a metodologias e indicações a qual patologia usar, valores de referência, tudo de forma resumida e de fácil acesso.


 O melhor disso é que o aplicativo foi desenvolvido por uma biomédica formada pela Faculdade Metrocamp, em parceria com o marido, que trabalha desenvolvendo software.
Em breve o app estará disponível também para iOS.

Link no Google Play: 


Conheça também o desenvolvedor: http://ideiamendes.com.br/
0 comentaram
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...